19.ª Festa da Colônia e Feira do Mel de Sapiranga

19.ª Festa da Colônia e Feira do Mel de Sapiranga

colonia
Evento ocorre nos dias 16 e 17 de julho com entrada franca para exposições e shows no Parcão
Sapiranga já começa a se preparar para a 19.ª Festa da Colônia e a Feira do Mel, evento marcado para o fim de semana dos dias 16 e 17 de julho, no Parque Municipal do Imigrante. Tradição na região, buscando destacar o trabalho agropecuário no Município. Serão dois dias de atividades com entrada franca no Parcão, em fim de semana regado a muito chimarrão, com exposição de animais e máquinas agrícolas, comercialização de produtos (mel e derivados, pães e cucas assados na hora, mudas frutíferas), o tradicional desfile de carretas, espaço cultural, shows com bandas, a pega do porco na arena de lama (que em 2015 agitou os dois dias no Parque do Imigrante) e o típico almoço colonial.
A festa começa no sábado, 16 de julho, às 9 horas, quando serão abertos os portões para o público que poderá saborear mateada, com erva mate e água quente gratuitas (a comunidade só tem que trazer cuia e a bomba). Às 9h30, acontece a abertura oficial do evento, seguindo-se com o desfile temático com carreteiros de Sapiranga e participação de Lomba Grande, colocando-se nas ruas máquinas e implementos agrícolas, além da produção rural da cidade e o trabalho de escolas da zona rural. O desfile sai do portão lateral do Parque Imigrante, passando pelo Centro da cidade (a princípio pelas avenidas João Corrêa e 20 de Setembro) e retornando à festa.
A partir das 11 horas, a Banda Imigrante estará animando a festa pelos corredores e, a partir das 11h30, tem almoço colonial. À tarde, é a vez da Banda Canecão do Vale garantir a animação. No pavilhão principal, a partir das 13 horas, ocorrerão apresentações culturais, como a dança folclórica do Balé Origens e o grupo mirim do Galpão Sentinela do Pago. Às 16 horas começa o baile no pavilhão central. A Banda Nova União abre os trabalhos, e, às 19 horas, é a vez da Banda Passarela. A Banda Flor da Serra sobre ao palco às 21 horas, fechando o primeiro dia da Festa da Colônia por volta da meia-noite. 
A festa reinicia às 9 horas de domingo, novamente com a mateada e abertura das feiras e exposições. A partir das 11 horas, o ritmo das bandinhas invade a festa com a Banda Só se for Agora, abrindo os trabalhos para o almoço colonial. A Banda Werno & Cia assume os trabalhos de animação a partir das 13 horas, mesmo horário no qual ocorrem as apresentações culturais, com destaque para o Balé Folclórico Origens. A partir das 15 horas tem início o baile, com animação das bandas Eccos, Festerê (a partir das 17h30) e Portal da Serra (às 20 horas), que seguirá com a festa até as 22 horas,  quando ocorre o encerramento da festa. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Website Protected by Spam Master