Abrigo para moradores em situação de rua recebe primeiros usuários em Campo Bom

Jornal Opinião
Foto: Gabriel Silveira/ PMCB

Desde que começou a operar na terça feira, 14, o abrigo tem sido um local de aconchego e refúgio para moradores em situação de rua no município de Campo Bom. Logo que as primeiras noites chegaram, a população vulnerável já tinha um local com estrutura necessária para higiene pessoal, refeições e para pernoitar no município. Em seu primeiro dia de funcionamento o acolhimento atendeu três pessoas. Ontem, 15, esse mesmo número de três pessoas se repetiu. Com capacidade para receber inicialmente 25 pessoas, a iniciativa uma ação da Prefeitura de Campo Bom concebida para tirar do relento esse público, prevenindo o coronavírus. Localizado no Centro Municipal de Educação, no bairro Genuíno Sampaio, os moradores em situação de vulnerabilidade foram recebidos por profissionais da área de saúde, tiveram sinais vitais verificados e o mais importante: cama, cobertores, banho quente e duas refeições completas.

O abrigo atende a comunidade todos os dias das 19h às 7h contando com diversos profissionais em sua estrutura, tais como cozinheira, auxiliar de limpeza, educadores sociais, assistentes sociais, seguranças e cozinheiros. De acordo com a coordenadora geral da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social e Habitação Luciane Taufer, desde quarta-feira o trabalho conta com o reforço de um veículo que percorre os pontos já identificados pela secretaria a fim de orientar o público-alvo da ação sobre a nova estrutura. O mesmo veículo sé usado para transportar para o abrigo os moradores de rua que desejarem se abrigar.

Next Post

Vacinação contra a febre aftosa prorrogada para 24 de abril

A vacina contra a febre aftosa teve prazo prorrogado para 24 de abril. O prazo final era 14 de abril, […]