Preços dos combustíveis preocupam comunidade sapiranguense e região

Jornal Opinião

Sapiranga e região enfrentam além da pandemia, que está no seu pior momento, a alta no preço dos combustíveis. Nesta quarta-feira, a grande maioria dos postos de Sapiranga registraram a gasolina aditivada acima dos R$ 5,50 cerca de 0,50 centavos mais cara que os preços registrados em janeiro de 2021. Um dos indicadores da elevação do preço dessa semana foi o aumento por parte da Petrobras de 5% no preço da distribuição dos combustíveis. Para atentar o consumidor, o Governo do Estado do Rio Grande do Sul disponibilizou um site onde o cliente pode ficar mais informado sobre as alterações de preços dos combustíveis. Clique aqui para acessar o site do governo.

Medida do governo suspenderá cobrança do PIS/Cofins para conter o preço.

O presidente Jair Bolsonaro afirmou ontem que a suspensão da cobrança do PIS/Cofins sobre o diesel por dois meses servirá para que o governo encontre formas de zerar em definitivo a cobrança de impostos federais sobre o combustível.

“O que acontece: quando você zera imposto, pela Lei de Responsabilidade Fiscal tem que arranjar recurso em outro lugar. Então fizemos um limite, esses dois meses é um prazo para a gente estudar, para a gente ver como, de forma definitiva, a gente vai zerar os impostos federais”, disse Bolsonaro no Palácio da Alvorada.

O governo publicou ontem o decreto com a suspensão da cobrança do PIS/Cofins sobre o diesel e uma medida provisória que sobe de 20% para 25% a alíquota da Contribuição Social sobre o Lucro Líquido (CSLL) dos bancos para financiar a suspensão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Próximo Post

Projeto Piquenique – para aprender sobre teatro

Selecionado pelo edital da Lei Aldir Blanc, que prevê auxílio financeiro ao setor cultural e com apoio da Prefeitura de […]