Campo Bom retoma a distribuição de refeições para os alunos da rede municipal

Jornal Opinião

Uma iniciativa criada no ano passado devido à pandemia foi retomada nesta segunda-feira (15) pela Prefeitura de Campo Bom. Levando em conta a suspensão das aulas presenciais e, como resultado disso, a falta da merenda escolar na rotina dos alunos, o Município recomeçou a distribuição dos chamados kits refeição nas escolas da rede municipal. O Prefeito Luciano Orsi explica que a ação foi retomada pensando na nutrição dos alunos e na oferta de uma alimentação de qualidade, que, às vezes, a criança não consegue receber em casa. “Sabemos de situações em que a única refeição que o aluno fazia era na escola. Por isso, tamanha importância em reiniciarmos essa proposta, que vamos manter enquanto as aulas presenciais não forem retomadas”, diz.

Neste ano, a distribuição dos kits ocorrerá em todas as escolas da rede e, diferentemente do ano passado, a entrega não será apenas em dois dias da semana, mas em três: segunda, quarta ou quinta (depende do dia em que cada escola entrega seu material pedagógico), e sexta-feira, sempre das 10h30 às 13h30. As diretoras estão entrando em contato com as famílias para saber quem gostaria de retirar o kit. Até o momento, 1.349 alunos estão cadastrados para receber as marmitas, mas o número deve aumentar ao longo das semanas.

A secretária de Educação e Cultura, Simone Schneider, afirma que esta refeição é um complemento na alimentação de muitas crianças. “A alimentação é saudável, com cardápio variado, elaborado pelo setor de nutrição da Smec e preparado com muito carinho pelas cozinheiras das escolas. São entregues em embalagem descartável, contendo salada, guarnição e preparação principal”, diz, lembrando que todos os alunos da rede têm direito a receber a refeição, e esta pode ser retirada pelo próprio aluno ou por algum familiar – somente um integrante da família.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Próximo Post

Grupo Teatral idealizado por Sapiranguenses é contemplado na Lei Aldir Blanc Estadual

O Coletivo Nômade de Teatro e Pesquisa Cênica, grupo idealizado pelos 4 sapiranguenses, Roger Santos, Thiago Silva, Jardel Rocha e […]