Novo serviço do Hospital Regina atenderá pacientes pós-Covid

Jornal Opinião

A crescente demanda de pessoas que relatam sintomas persistentes e as conhecidas queixas após a contaminação da doença Covid-19 foi o que motivou o Hospital Regina a organizar um novo serviço, exclusivo para atendimento pós-Covid. Trata-se de um espaço que ofertará a estes pacientes o acompanhamento e tratamento especializado. O Ambulatório Pós-Covid entrará em funcionamento na segunda quinzena de maio.

Entre as queixas mais comuns relatadas pelas pessoas que tiveram a doença, está à persistência da falta de ar, tosse, fadiga, além do desencadeamento de outros problemas, como cardiológicos, neurológicos, psiquiátricos, entre outros. Por isso, o serviço contará com equipe multidisciplinar, composta por médicos das especialidades de Clínica Médica, Cardiologia, Pneumologia e Neurologia, além de outros profissionais como fisioterapeuta, nutricionista e psicólogo, buscando atender ao paciente de forma sistêmica.

“Este serviço foi pensado para ofertar atendimento integral, ágil e personalizado ao paciente que teve a doença e já passou do período de contágio, o que chamamos de pós-covid”, explica o médico Dr. Antônio Lopes, Diretor Técnico do Hospital Regina. O ambulatório funcionará de forma eletiva, através de agendamento prévio, e será integrado com as áreas de diagnóstico e estrutura hospitalar. “Desta forma, conseguimos oferecer uma rede completa de atendimento ao paciente, evitando seu deslocamento, com a prestação de um serviço que conta com a experiência do Hospital Regina”, reforça.

O Ambulatório Pós-covid integra o Centro de Especialidades Médicas do Hospital Regina, localizado no segundo subsolo do Centro Clínico Regina, que já conta com outros serviços como o Ambulatório de Traumatologia e Reumatologia, Centro de Infusão, Clínica da Dor e Núcleo da Coluna.

“Disponibilizar em único local especialistas e diagnósticos que possam atender de forma integral e resolutiva as diferentes necessidades dos pacientes é o objetivo deste novo serviço”, completa a Diretora Executiva Gisele Albaneo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Próximo Post

Cemeam de Sapiranga executa obra de implantação de jardim filtrante

O mês de maio inicia com avanços para proteção do meio ambiente no Centro Municipal de Estudos Ambientais de Sapiranga […]