Produtores familiares de orgânicos de Sapiranga recebem certificação do Ministério da Agricultura

Jornal Opinião

Mais duas famílias produtoras de orgânicos da cidade receberam a certificação que os declara aptos como produtores vinculados a Organização de Controle Social (OCS) OESSul Ferrabraz, emitido pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. A entrega dos cadastros ocorreu na tarde da última quinta-feira, 02, durante a Feira de Produtos Orgânicos Certificados. O documento atesta a conformidade da produção orgânica, bem como a propriedade e o produto cultivado.


Após passarem por um processo que durou quase dois anos, os produtores receberam visitas técnicas em suas propriedades. O intuito era a verificação e análise das plantações, lavouras e da própria produção. Foram necessárias algumas adequações e agora eles estão inseridos na legislação e aptos como produtores de orgânicos devidamente cadastrados pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. Conforme o chefe de escritório da Emater de Sapiranga, Mateus Farias de Mello, foi enviada documentação e ata ao Ministério da Agricultura para a realização da certificação. “Esse cadastro é importante para o Município e agora seis famílias produtoras de orgânicos da cidade já são certificadas”, explicou.

A agricultora familiar Leila Kronbauer, 22 anos, comemorou essa certificação tão aguardada por ela e sua família. “Foram dois anos de transição, acompanhamento e visitas técnicas e agora estamos muito felizes com o resultado disso”, salientou ela, que ao lado de sua família, faz o plantio de mudas e hortaliças sem agrotóxicos em uma área no Alto Ferrabraz. O chefe de cozinha, Julio Engelke, 30, mora no Centro da cidade e é comprador assíduo dos produtores de orgânicos. “É maravilhoso ter a oportunidade de encontrar por aqui tantos produtos orgânicos diferentes”, afirmou.

A Feira de Produtos Orgânicos Certificados acontece semanalmente – todas as quintas-feiras – das 16h às 20h, no Pavilhão da Feira do Agricultor em uma parceria entre Prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Agricultura, Associação EcoFerrabraz, e Emater/RS Nascar de Sapiranga. Na feira, os visitantes podem encontrar uma grande variedade de hortifrúti livres de agrotóxicos, além de chás, temperos, Plantas Alimentícias Não Convencionais (PANCs), entre outros produtos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Próximo Post

CME Ayrton Senna reinaugura biblioteca

A biblioteca do Centro Municipal de Educação (CME) Ayrton Senna, que agora leva o nome de Carlos Geovane Steigleder, foi […]