UBS Paulista terá vacinação de 1ª e 2ª doses e reforço da Pfizer a partir de segunda-feira

Jornal Opinião

A vacinação contra a Covid-19 em Campo Bom reinicia na segunda-feira (11). Mesmo em meio ao feriadão de Nossa Senhora Aparecida (Padroeira do Brasil), a UBS Paulista atenderá das 8 às 16 horas, sem fechar ao meio-dia, disponibilizando o imunizante Pfizer: 1ª dose para população campo-bonense em geral com 12 anos ou mais; 2ª dose para vacinados em 21 de agosto, ou antes, em Campo Bom; reforço para idosos com 60 anos ou mais, vacinados com a 2ª dose ou dose única de qualquer vacina contra Covid-19 no dia 16 de abril, ou antes; reforço para trabalhadores da saúde, vacinados com a 2ª dose ou dose única de qualquer vacina contra Covid-19 no dia 16 de abril, ou antes; reforço para imunossuprimidos de alto grau, vacinados com a 2ª dose ou dose única de qualquer vacina contra Covid-19 no dia 20 de agosto, ou antes. Na terça-feira (12) não haverá vacinação. A partir de quarta-feira (13), além da UBS Paulista, o Centro Materno Infantil também aplicará Pfizer.

Na UBS Celeste, a partir de quarta-feira (13), será disponibilizada a Coronavac/Butantan: 1ª dose para população campo-bonense em geral com 18 anos ou mais e 2ª dose para pessoas vacinadas com o mesmo imunizante em 25 de setembro, ou antes, no município de Campo Bom. A Coronavac é indicada para gestantes e puérperas.

Nas Estratégias de Saúde da Família (ESF) também a partir de quarta-feira, por agendamento, haverá 2ª dose para pessoas vacinados com a Astrazeneca em 21 de agosto, ou antes, no município de Campo Bom.

O prefeito Luciano Orsi ressalta que a vacinação na UBS Paulista, na segunda-feira, é mais uma oportunidade para quem ainda não se imunizou. “Em pleno feriadão, estaremos atendendo, pois sabemos de pessoas que perderam a data de vacinação por vários motivos. Agora essas pessoas terão nova oportunidade para se protegerem”, salienta o prefeito.

DOCUMENTOS NECESSÁRIOS

Para se vacinar é necessário apresentar carteira de vacinação (obrigatório para quem for fazer a segunda dose ou a dose de reforço), CPF ou cartão SUS, comprovante de residência nominal ou com declaração e laudo médico para comprovação da imunossupressão; carteirinha pré-natal (gestantes); certidão de nascimento (puérperas).

RECOMENDAÇÕES ANTES DA VACINA

Não estar fazendo tratamento imunossupressor (se for o caso, precisará de liberação médica por escrito); não ter tido Covid há menos de 30 dias; não estar com sintomas gripais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Próximo Post

Conhecidas as três novas faces que vão disputar o título de Miss RS Latina

O interior do Rio Grande do Sul está exportando sua beleza para o mundo. Sabrina Boller, foi escolhida a Miss […]