Campo Bom reduz fila de espera para atendimentos oncológicos em mais de 80% desde a troca de referência para Taquara

Jornal Opinião

Em Campo Bom, os números atestam o impacto positivo da troca de referência da oncologia para o Hospital Bom Jesus, em Taquara. No início de dezembro do ano passado, quando as consultas oncológicas do SUS ainda eram realizadas no Hospital Regina, em Novo Hamburgo, em torno de 80 pacientes campo-bonenses esperavam por atendimento, alguns há mais de quatro meses. Hoje, todos que aguardavam naquele momento já foram atendidos e apenas 13 pessoas esperam agendamento de consulta, nenhum há mais de 30 dias.

Para o prefeito Luciano Orsi, a decisão pela troca de referência não poderia ter sido mais assertiva. “A Administração Municipal não mediu esforços para defender a mudança que hoje salva vidas”, observa. No Regina, Campo Bom tinha direito a 10 atendimentos oncológicos por mês. No dia 7 de dezembro, a troca de referência foi confirmada em audiência do Ministério Público. Entre 9 de dezembro e 10 de fevereiro, um intervalo de dois meses, 73 pacientes campo-bonenses tiveram consultas agendadas em Taquara. “Os relatos dos pacientes acerca da mudança são positivos, todos puderam iniciar seus tratamentos, e a Prefeitura continua disponibilizando o suporte necessário no que diz respeito ao transporte”, afirma o secretário de Saúde João Paulo Berkembrock.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Próximo Post

Primeira edição do Projeto Coletivo Educador aconteceu nesta quinta-feira

O primeiro encontro do Projeto Coletivo Educador ocorreu nesta quinta-feira, 28, com a presença de 31 professores das escolas municipais, […]