Centro Municipal de Cultura recebe Chama Crioula

Jornal Opinião

A manhã ensolarada deste sábado, 11 de setembro, abrilhantou ainda mais a cerimônia de abertura oficial da Semana Farroupilha de Sapiranga com a chegada da centelha da Chama Crioula ao Centro Municipal de Cultura Lucio Fleck. Cerca de 14 cavalarianos trouxeram a centelha para a casa cultural sapiranguense.

A solenidade contou com a participação da prefeita Carina Nath; vice-prefeito e secretário municipal de Assistência Social, Adriano de Oliveira; presidente da Câmara de Vereadores, Leandro Batista da Costa; diretora de Cultura Giovana Canani; coordenador da 30ª Tradicionalista, Carlos Alberto Moser; Jadir Peixoto Goularte, patrão do CTG Pedro Serrano; vice-patrão Delaor Schoenardie, representando  o patrão do CTG  Estância do Ferrabraz,  Flavio Luiz Gomes;  Leandro Scherer Bastos, patrão do CTG Desgarrados da Querência; Celi da Luz, patrona do CTG Galpão Sentinela do Pago; 1ª prenda regional (2021/2022), Dienifer Canabarro; capitão do Corpo de Bombeiros de Sapiranga, tenente Mateus Bordignon; Neusa Maria Greff da Luz, patrona municipal; e o artista plástico Mauro Vila Real, autor da identidade visual da Semana Farroupilha 2021.

Em seu discurso a prefeita Carina deu boas vindas aos cavalarianos que trouxeram a centelha da Chama Crioula, aos peões e as prendas e demais presentes, e enalteceu o festejo Farroupilha na Cidade das Rosas e do Voo Livre. “Mais  uma vez as comemorações serão restritas e diferentes. Mas uma coisa não mudou, continuamos honrando a cultura tradicionalista. Especialmente no mês Farroupilha nossas tradições são fortalecidas, onde cada  um de nós estufa o peito e diz: Tenho orgulho de ser gaúcho!”

Os festejos farroupilhas deste ano têm por objetivo homenagear e comemorar o bicentenário de nascimento de Anita Garibaldi, uma das personalidades femininas mais cultuadas do Sul do Brasil. “Caminhos de Anita” pretende retratar a heroína conhecida por sua participação e envolvimento direto na Revolução Farroupilha. A patrona da Semana Farroupilha Municipal é Neusa Maria Greff da Luz.

A programação da Semana Farroupilha de Sapiranga este ano será no formato híbrido, com apresentações ocorrendo através de lives no Facebook e Youtube da Prefeitura.

O artista plástico sapiranguense Mauro Vila Real, criador da nova identidade Farroupilha, obra “Caminhos de Anita”, em homenagem ao bicentenário de nascimento de Anita Garibaldi, também é o instituidor da identidade visual da Semana  Farroupilha 2021 no município.

O QUE ELES DISSERAM

Delaor Schoenardie – “Temos orgulho de participar deste momento tão especial da cultura gaúcha, a Semana Farroupilha. A Chama Crioula é o amor do gaúcho e suas tradições. Viva o Rio Grande do Sul. Viva o 20 de Setembro!”

Celi da Luz – “Quero saudar todas as mulheres, assim como Anita Garibaldi, grande heroína da Revolução Farroupilha, que lutam diariamente pelos seus ideias e pela representatividade no meio social. Obrigada pelo apoio e a dedicação de todos na Semana Farroupilha.”

Leandro Scherer Bastos – “Devido ao que estamos vivendo nessa pandemia, independente disso desejo a todos nós uma excelente Semana Farroupilha.”

Jadir Peixoto Goularte – “A Chama aquece cada vez mais o nosso culto da cultura gaúcha, o rito de amor à nossa pátria tradicionalista. Que esta Chama, diante de todo esse novo recomeçar que estamos vivendo, diante desta pandemia, venha acender dentro de cada um de nós gaúchos e tradicionalistas a esperança de dias melhores e seguros.”

Carlos Alberto Moser – “Sapiranga tem se demostrada sempre muito parceira das ações coletivas tradicionalistas, com grandes festejos farroupilhas. Parabéns prefeita Carina e equipe da Secretaria de Cultura.”

Neusa Maria Greff da Luz – “Com muita honra hoje recebemos a prefeita Carina, que está junto no tradicionalismo e que também representa uma Anita, assim como todas as mulheres.  É muito orgulho estar patrona municipal e poder representar o município. Acredito que a Chama Crioula está fervendo no coração de muitos hoje. Desejo a todos uma boa Semana Farroupilha.”

Chama Crioula

Os cavalarianos trouxeram a centelha do fogo da Chama Crioula, que simboliza a história, a tradição e a alma da sociedade gaúcha. Eles entregaram acenderam a pira localizada em frente ao Centro Municipal de Cultura.

Homenagem

A abertura oficial da Semana Farroupilha de Sapiranga também teve homenagens. A prefeita Carina Nath conferiu o título de Patrona dos Festejos Farroupilhas 2021 de Sapiranga a  Neusa Maria Greff da Luz, em reconhecimento ao trabalho prestado em prol da história e da cultura gaúcha de Sapiranga. Neusa também recebeu o cartaz da identidade visual, criada pelo artista plástico Mauro Vila Real.

A identidade da Semana Farroupilha é marcada pelas pinceladas que transformam o Morro Ferrabraz numa grande invernada. Dança, música e cultura. No Centro, a patrona municipal que encanta com sua simplicidade. As cores remetem à Bandeira de Sapiranga, Cidade das Rosas.

O evento encerrou com a Banda Crioula Claudio Wingert, que apresentou a música Anita Garibaldi, de Marlene Pastro, sob coordenação do regente Paulo Santos.

Programação

Dia 15 de setembro (quarta-feira)

Horário: 19h30 – Live CTG Sentinela do Pago: Esporte Campeiro. Responsável CTG Sentinela do Pago.

Dia 17 de setembro (sexta-feira)

Horário: 19h30 – Live CTG Ferrabraz: Aperos gaúchos e formas de encilhar o cavalo. Responsável CTG Ferrabraz.

Dia 19 de setembro (domingo)

Horário: 10h – Live da Missa Crioula, com a participação do Padre Igor e Grupo Vida. Responsável SMTCD.

Dia 20 de setembro (segunda-feira)

Horário: 16h – Live de Cerimônia de Encerramento: Show Tchê Guri e declamações com o poeta Jairo Brum. Responsável SMTCD.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Próximo Post

Estudantes de medicina da Feevale iniciam estágio na UPA em Sapiranga

Uma manhã de sexta-feira (10) especial com muita alegria e entusiasmo marcou o primeiro dia de atividades dos 16 estudantes […]