Estudantes já aproveitam brinquedos novos instalados nas escolas da rede municipal

Jornal Opinião

Escolas da rede municipal estão recebendo diversos brinquedos novinhos e coloridos para a diversão dos pequenos. São playgrounds, escorregadores, carrosséis, gangorras, casinhas de boneca, trepa-trepa e balanços que estão sendo instalados em escolas de Educação Infantil e de Ensino Fundamental. Tem até brinquedos com acessibilidade, adaptados para cadeirantes. Além de divertir os pequenos, essas são importantes ferramentas de aprendizagem, que buscam explorar a criatividade, o desenvolvimento cognitivo e a sociabilidade dos alunos.

O investimento da Administração Municipal nesta melhoria para as escolas foi de R$ 545.610,20. Conforme a secretária Municipal de Educação, Cláudia Kichler, esses materiais lúdicos foram adquiridos de acordo com necessidade de cada escola. “Foi realizado um levantamento no ano passado com as direções escolares e, sabendo das necessidades de cada escola, compramos os brinquedos que foram pensados principalmente no melhor desenvolvimento das crianças das turmas de jardim”, explicou.

A novidade deixou os alunos da Emef São Carlos (Amaral Ribeiro) encantados. “Gostei muito dos nossos brinquedos novos. Tem até escorregador. Vou brincar muito!”, contou a aluna do jardim B, Helena Charão, 5 anos. A diretora da escola, Andreza Haag, acredita que a brincadeira é uma peça essencial para a infância. “Através das brincadeiras e da interação social, a criança exercita suas capacidades emocionais, sociais e motoras. Com os brinquedos novos, tudo fica muito mais divertido e empolgante. As crianças estão apaixonadas e aguardam diariamente o momento de ir para o pátio para brincar”, comentou a diretora.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Próximo Post

Sapiranga é o primeiro município do RS a firmar Parceria Público-Privada de iluminação pública com o BRDE

Nesta quinta-feira, 24, a prefeita Carina Nath assinou o acordo de cooperação técnica da Parceria Público-Privada (PPP) com o Banco Regional […]