Sapiranga flexibiliza o uso de máscaras

Jornal Opinião

A prefeita Carina Nath assinou o decreto nº 7507/2022 na tarde desta sexta-feira, 18, que trata sobre a flexibilização quanto ao uso de máscaras de proteção individual. A desobrigatoriedade passa a valer tanto para locais abertos, quanto fechados, com exceção para estabelecimentos de saúde, onde o uso das máscaras ainda é obrigatório. 

Para tomar a medida, a Administração Municipal avaliou o cenário atual da pandemia. “O uso de máscaras passa a ser facultativo, ficando para cada cidadão a decisão de utilizar, ou não, a proteção”, explicou a prefeita. Em Sapiranga, 87,1% da população total já recebeu a primeira dose da vacina contra a Covid-19 e cerca de 76,7% estão com o esquema vacinal completo. Nas últimas 24 horas, o Município registrou apenas 12 novos casos da doença. 

O uso de máscaras segue sendo obrigatório em estabelecimentos públicos e privados da área da Saúde, como farmácias, laboratórios, clínicas, casas geriátricas, no Hospital de Sapiranga e nas unidades de saúde do Município. É indispensável a utilização da máscara para pessoas contaminadas ou com suspeita de contaminação, sendo também recomendado para imunossuprimidos, portadores de doenças crônicas, gestantes, pessoas com comorbidades, idosos e pessoas com o esquema vacinal incompleto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Próximo Post

Agentes de saúde e de combate a endemias atuam em mutirão contra a dengue

O setor de Endemias da Secretaria Municipal de Saúde segue atuante em ações de combate à dengue em Sapiranga. O […]